08 fev 2017

Os cinco principais alimentos que vão ajudar a curtir muito o carnaval!

Postado em: Corpo

Médica da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN) ressalta que é necessário cuidar da alimentação para aproveitar os cinco dias de folia

alimentos para o carnaval

O carnaval está chegando e os cinco dias de intenso gasto calórico requerem muita atenção e preocupação com hidratação e alimentação. Para aproveitar a folia, a médica nutróloga da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN), Dra. Marcela Voris, indica cinco tipos de alimentos que vão ajudar a manter o pique sem descuidar da saúde. Confira abaixo a lista com as orientações da especialista:

  • Água ou água de coco para manter a hidratação – item indispensável para a curtição!
  • Frutas in natura, por possuir mais água e garantir energia.
  • Frutas secas, que garantem energia e são fáceis de transportar.
  • Castanhas, nozes, amendoim, sementes (abóbora, girassol), fáceis de transportar e ajudam a dar energia.
  • Queijos processados em embalagens individuais – dispensam geladeira e por isso ajudam os foliões a não ficarem muitas horas sem se alimentar.

“Apesar disso, por conta do gasto calórico excessivo, é importante fazer uma refeição completa, que deve incluir proteína, carboidrato e gordura”, salienta a médica. Segundo ela, alguns têm ‘bandeira branca’ para aqueles que vão desfilar na escola de samba ou curtir quase um dia inteiro. “Pode ser macarrão integral com molho bolonhesa, um sanduíche natural integral com pasta de frango e salada, ou até mesmo uma vitamina de frutas com ovos mexidos na manteiga”, recomenda. O intervalo entre refeição e desfile deve ser de 40 minutos à uma hora. Dependendo da quantidade de horas na avenida, da intensidade da dança, do ritmo do folião e do desempenho, há um gasto médio entre 300 e 800 calorias por hora no samba.

Bebeu água? Tá com sede?

Ah que calor, UOUO OUO!” Geralmente, durante os cinco dias de folia faz um calor quase insuportável e a previsão para esse carnaval não é diferente. Para aqueles que esquecem da água e ainda são amantes do ‘suco de cevada’, a Dra. Marcela alerta: “A desidratação dá fraqueza, queda na imunidade e a pessoa ainda pode ficar muito doente. Água gelada vende em muitos lugares e a água de coco natural pode ajudar na reposição energética, caso a pessoa coma a polpa”, conclui a médica nutróloga. O ideal é sempre tomar cuidado onde se compra água e também onde você vai conseguir o gelo da bebida. E não importa se a Aurora é sincera, se a jardineira está tão triste, o importante é que o Abre-alas passe e inicie os trabalhos para o caminho da curtição e não me leve a mal, hoje é carnaval!

Sobre a ABRAN

A ABRAN é uma entidade médica científica reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina. Fundada em 1973, dedica-se ao estudo de nutrientes dos alimentos, decisivos na prevenção, no diagnóstico e no tratamento da maior parte das doenças que afetam o ser humano, a maior parte de origem nutricional. Reúne mais de 3.800 médicos nutrólogos associados, que atuam no desenvolvimento e atualização científica em prol do bem estar nutricional, físico, social e mental da população. Visite www.abran.org.br e curta a ABRAN no Facebook: www.facebook.com/nutrologos.